O Vale do Pati está entre os tesouros naturais mais impressionantes da Bahia.

Queridinha dos fãs de turismo de aventura, a região é responsável por atrair muitos dos trilheiros de carteirinha que visitam a Chapada Diamantina. Rios, quedas d’água, cânions, gigantescos paredões de pedra e montanhas imponentes formam os cenários espetaculares que fazem do Vale do Pati um favorito nacional quando se fala em trekking e outras experiências de imersão na natureza. Já curtiu? Então pode continuar por aqui, que a gente está só começando!

Hoje, vamos te levar para explorar a beleza única desse lugar cheio de paisagens cinematográficas e oportunidades de aventura. É hora de desvendar os encantos do Vale do Pati e conhecer uma das áreas de trekking mais adoradas do mundo. Separa aí os seus melhores sapatos de trilha e vem com a gente para descobrir tudo que você precisa saber para planejar um passeio inesquecível.

Saiba onde fica o Vale do Pati

Vista do Vale do Pati, na Chapada Diamantina

O Vale do Pati fica no interior do Parque Nacional da Chapada Diamantina, na porção central da Bahia.

Formado pelo curso do Rio Pati, ele se estende por uma grande área que passa por três municípios baianos: Palmeiras, Andaraí e Mucugê. Todos eles – em especial os dois últimos – são ótimos pontos de apoio para quem visita a Chapada Diamantina.

Além de servirem como portas de entrada para o Vale do Pati, as charmosas cidades também abrigam vários outros atrativos fascinantes. É em Andaraí, localizada a 422 quilômetros de Salvador, que fica o famoso distrito histórico de Igatu, por exemplo. Já Mucugê, que é separada da capital baiana por 450 quilômetros, tem joias como o Parque Municipal de Mucugê e o Cemitério Gótico Bizantino

Descubra como chegar ao Vale do Pati, na Chapada Diamantina

Para quem deseja desbravar o Vale do Pati, o primeiro passo é chegar até a Chapada Diamantina.

Geralmente, os turistas que vêm de outros estados preferem fazer uma parada em Salvador antes de seguir viagem. Para isso, é possível contar com a estrutura do Aeroporto Internacional de Salvador Luís Eduardo Magalhães ou com os ônibus de viagem que partem de várias partes do Brasil em direção ao Terminal Rodoviário de Salvador.

Saindo da capital baiana, há várias formas de ir até Mucugê ou Andaraí: se não quiser contratar um serviço de transfer, você pode usar os ônibus da viação Cidade Sol – que tem rotas para as duas cidades – ou alugar um veículo. O tempo de estrada costuma ser de aproximadamente 6h30.

Para entrar no Vale do Pati, as principais vias de acesso são o Beco do Guiné (em Mucugê), o Bomba (no Vale do Capão, Palmeiras) e a Ladeira do Império (em Andaraí), que costuma ser usada exclusivamente para os roteiros de cinco dias. A ida até esses pontos costuma ficar por conta das agências de turismo que organizam os passeios para o Vale do Pati. Para quem vai por conta própria, a melhor opção é negociar um transfer local.

Tudo que você precisa saber sobre a trilha do Vale do Pati

Canion do Vale do Pati, na Chapada Diamantina
Afinal de contas, qual é a melhor forma de conhecer a imensidão do Vale do Pati? Caminhando, é claro!

Frequentemente deixada de fora dos roteiros turísticos tradicionais, a região costuma ser procurada por quem curte aventuras mais desafiadoras. Afinal, ela precisa ser desbravada a pé – os veículos não passam pelas paisagens montanhosas do vale –. O famoso trekking no Vale do Pati não precisa seguir um itinerário fixo: o lugar tem várias trilhas e atrativos que podem ser explorados livremente.

Mas a gente sempre recomenda ter o apoio de um guia especializado na hora de percorrer as trilhas, já que estamos falando de longas caminhadas em meio à natureza selvagem.

E longas mesmo! Até dá para visitar alguns atrativos específicos, como a Rampa do Pati, em um passeio de um dia só (no estilo “bate e volta). Mas como o Vale do Pati tem muita coisa linda para conhecer, os roteiros por lá costumam durar de 3 a 7 dias, com pontos de parada que podem variar de acordo com a preferência dos trilheiros. Geralmente, os visitantes caminham de 15 a 25 quilômetros por dia, com direito a muitas subidas íngremes e descidas complicadas. Por causa do nível de dificuldade, até mesmo os aventureiros que já têm experiência com trekking preferem fazer os roteiros em grupo, com o auxílio de guias credenciados.

Situado em uma região remota onde a natureza é protagonista absoluta, o Vale do Pati é habitado por poucas famílias. São menos de 20 residências distribuídas ao longo da área, e elas servem como ponto de apoio para os visitantes – é nessas casas que você encontrará comida, chuveiros, tomadas e camas confortáveis para descansar no final do dia –.

A questão da hospedagem fica mais fácil quando o passeio é feito por meio das agências de turismo, que negociam com os moradores do Vale do Pati e incluem a estadia nos pacotes. Caso você decida visitar a região por conta própria, vai ter que contar com a sorte – nem sempre há vagas disponíveis nas hospedarias –.

Além da Rampa do Pati, que já mencionamos, alguns dos atrativos mais famosos do Vale do Pati são o Mirante, as Gerais do Rio Preto, o Cachoeirão do Pati, o Morro do Castelo, a Cachoeira do Funil e as Gerais do Vieira. Abaixo, a gente te conta um pouco mais sobre os pontos que com certeza merecem um pouquinho do seu tempo.

Conheça o Morro do Castelo, no Vale do Pati

O Morro do Castelo garante uma das vistas mais incríveis do Vale do Pati.

A subida íngreme que leva até o topo desse grande monte rochoso com certeza vale a pena. Você vai esquecer do cansaço assim que chegar lá em cima e olhar ao redor – as paisagens são realmente de tirar o fôlego –. Nos dois mirantes naturais do Morro do Castelo, é possível contemplar de cima os enormes trechos de floresta nativa que são cercados pelos paredões rochosos do vale. Também dá para ver as águas do Rio Pati e a queda d’água da Cachoeira do Calixto. É um visual sem comparação!

Não perca a vista inesquecível do Mirante do Vale do Pati

Queda dágua no Vale do Pati

O Mirante do Vale do Pati é o primeiro grande atrativo que aparece para quem entra no vale pelo Beco do Guiné.

Antes mesmo de chegar a ele, os visitantes são presenteados com surpresas maravilhosas: o caminho para o Mirante do Vale do Pati passa pelos lindos planaltos conhecidos como Gerais do Vieira e Gerais do Rio Preto. O percurso termina com uma vista panorâmica privilegiada que dá aos visitantes uma noção de como o Vale do Pati é gigantesco.

Lá de cima, dá para avistar algumas das trilhas, os grandes morros e até um dos pontos de hospedagem, o lugar conhecido como Igrejinha. Aproveite para respirar o ar puro das montanhas, apreciar a exuberância natural do vale e, é claro, tirar muitas fotos incríveis.

Aproveite para se refrescar no Cachoeirão do Vale do Pati

Além das paisagens montanhosas sensacionais, o Vale do Pati também abriga cachoeiras apaixonantes.

A mais famosa de todas é o Cachoeirão do Vale do Pati, que não tem o nome no aumentativo à toa. O paredão de onde brotam as cascatas é tão grande que, a depender da época do ano, o Cachoeirão chega a contar com 20 quedas d’água que exibem suas belezas ao mesmo tempo. É um cenário surreal!

O Cachoeirão do Vale do Pati pode ser desbravado por meio de duas trilhas, conhecidas como Cachoeirão por Cima e Cachoeirão por Baixo. A primeira, que percorre a parte superior do paredão, é bem fácil (comparada a outros trajetos do vale). Ela tem muitos trechos planos e leva a uma vista de cair o queixo.

Já a trilha de Cachoeirão por Baixo tem um nível de dificuldade bastante elevado, já que passa pelo leito do rio e por trechos de pedras escorregadias. Mas o esforço é recompensado pelo banho revigorante nas águas geladas do poço e pelo visual estonteante das quedas d’água.

O trekking do Vale do Pati é uma experiência única e você ainda pode aproveitar a melhor estadia no Costa do Sauípe!

Pessoa no meio de uma piscina com a praia da Costa do Sauípe ao fundo

Não é exagero dizer que o Vale do Pati é um dos lugares mais incríveis do Brasil.

Depois do nosso passeio de hoje, você tem tudo para organizar uma viagem inesquecível para a região que abriga alguns dos melhores pontos turísticos da Bahia. Caso ainda esteja em dúvida sobre o tempo de duração, aqui vai a nossa dica: embora o Vale do Pati possa ser desbravado em 3 dias, a gente recomenda que você dedique pelo menos 5 dias inteiros aos atrativos da região.

 Assim, você consegue aproveitar os monumentos naturais da Chapada Diamantina sem pressa.

Aliás, se você quiser uma experiência verdadeiramente inesquecível, pra viver mais um pouquinho da Bahia de verdade, temos mais uma dica. Depois das caminhadas cansativas pelo Vale do Pati, que tal descansar o corpo nas praias mais lindas do litoral baiano?

Na Costa do Sauípe, você recupera suas energias com os pés na areia, de frente para o azul do mar, e ainda conta com a estrutura completa de um resort all inclusive. Maravilhoso, né? Vem conhecer nossos pacotes promocionais, escolha um dos nossos hoteis e venha curtir com a gente!

O Grand Premium Brisa foi premiado Travellers' Choice Awards - Best of the Best 2024.

Ficamos entre o 1% dos hotéis mais bem avaliados segundo o TripAdvisor. Somos um dos melhores na categoria "tudo incluído".

Premio Loved by guests

Costa do Sauípe na Loved By Guest 2021

A Hotéis.com certificou o Grand Premium Brisa na categoria "Amados pelos hóspedes" baseado nas avaliações que recebemos dos nossos clientes.

coco verde tambor

O Grand Premium Brisa foi premiado no portal MELHORES DESTINOS como um dos dez melhores resorts do Brasil, segundo a opinião de mais de 25 mil leitores.

E tem mais! Também fomos selecionados pelos editores do site como um dos 15 melhores resorts all inclusive do país! Saiba mais

Fale Conosco

Queremos proporcionar a você experiências únicas, com alegria e prazer. Para isso, sua opinião é muito importante. Estamos prontos para te atender. Use o formulário abaixo para nos enviar suas dúvidas, críticas, informações e elogios.

Os dados pessoais serão utilizados para esclarecimentos sobre suas dúvidas, críticas, informações e elogios. Para maiores informações acesse nossa política de privacidade. Ao utilizar este formulário você declara que leu, compreendeu e concorda com a nossa Política.

Envie o atestado médico

Para Grupos

Excursões e viagens em grupo são sinônimos de diversão e muitos benefícios para vocês. Junte a família toda e os amigos. Programe já as suas próximas férias! Descubram novas experiências de férias e vivam momentos inesquecíveis.
Área destinada a reservas de 15 ou mais apartamentos.

Grupos Lazer

Atendimento às agências

Os dados pessoais serão utilizados para realização de reserva para grupos. Para maiores informações confira a nossa política de privacidade. Ao utilizar este formulário você declara que leu, compreendeu e concorda com a nossa Política.

Quer falar com a gente?

É só nos chamar no WhatsApp ou nos ligar! :)

Central de reservas

Capitais

Demais localidades

Eventos